terça-feira, novembro 24, 2009

31/10 Deu a louca na Madrasta Má!

terça-feira, novembro 24, 2009
Se você gostar do conto abaixo, achar que mereço, VOTE EM MIM
Olá enteados, cheirei muito néctar da flor e resolvi abrir o jogo, bem suscinto, mas espero que entendam... agradeço a R & JC pela iniciativa e por me convidarem!

O testículo tá grande... mas enfim...

Ás vezes pensamos que não sabemos até que ponto vai à força de um “homem”, eu digo que só conhecemos essa força, na guerra, na fome e no amor... Por longos quatro anos da minha vida (os últimos que se passaram), fui amada incondicionalmente por um homem, muito trabalhador, esforçado, humilde e com um coração enormeeeeeeeeeeee. Nos conhecemos de uma forma inusitada, eu havia saído de um relacionamento sério de seis anos, sofrido demais... Sabe quando você pensa que é pra sempre, pois é... Eu pensava que com o Santodopauloko fosse para sempre, uma vez que ele deixou o seminário por mim... Mas o assunto não é este, várias mudanças se passavam na minha vida na época, estava na faculdade, trabalhava, havia emagrecido muito e o meu trabalho exigia uma postura impecável, então... Eu fiquei bonita! KKKKKKKKKKKKKK ah! Fiquei lindona, gostosona mesmo, roupas novas, outros amigos, novos ares... Já não pertencia ao clã do clero!

Mas, me cansei dos “bailes”, esgotaram-se as possibilidades de encontrar meu “príncipe encantado” e passei a me dedicar mais a faculdade, para isso comprei meu primeiro “espelho mágico” (computador). Em uma noite de fim de semana solitária conheci o Anjinho pelo “espelho”, que na verdade era um demo mentiroso... Como não há mal que sempre dure, por intermédio dele, conheci Hood. O destino é uma caixinha de surpresa, já dizia Josefer Climber (KKKKKKKK) depois de uma longa amizade, começamos a namorar, ou melhor, a dividir e somar. Hood sempre tinha algo a acrescentar, apesar de escorpiano, ele é o contrário de mim... sempre “da paz”. Sabe quando a pessoa que está ao seu lado é pra saúde e para doença, vida e morte, alegria e tristeza? Ele é esse tipo de pessoa, não só para mim, mas para a família, amigos... Por todos os dias que estive ao seu lado ele me ligava, passava mensagens, extremamente romântico... E assim esse “plebeu” entrou na minha vida e ele queria perpetuar, queria me dar seu sobrenome e um anel... um castelinho... eu aceitei... para isso ele trabalhava em três lugares diferentes.

Mas no caminho tinha uma pedra, aliás... um cagão de merda... ops! no caminho não, na piscina... uma bostinha boiando...

Eu tinha verdadeiro horror da voz do sujeito, eu sempre o vira á pé e de chinelo (por sinal muito velho!). Não gostava da voz dele e quando tenho meus motivos para não gostar, eu evito... como mineirinha sou “de comer quietinha”, desconfiada e quando me abro é oito ou 80. Amo ou odeio e vice e versa. Mas, sou do seguinte pensamento, todos merecem uma chance e um dia conversamos pela primeira vez, ele elogiou meu cabelo, me contou que tinha um filho e que era pai solteiro... blá, blá, blá,blá... com o tempo quebrou-se o gelo e percebi um sujeito de poucos amigos e um pouco fechado, que trazia consigo segredos...

Sem mais delongas, a verdade é que eu fui me apaixonando e esquecendo que para o Hood eu era só, somente, a vida dele, o motivo pelo qual ele acordava as cinco e se deitava a 1 da manhã... havia me esquecido do cara que me ajudou quando fiquei gravemente doente, quando perdi uma pessoa muito especial de forma injusta e repentina, quando sofri acidente de automóvel e fiquei presa às ferragens, na escolha do vestido para o meu baile, nas palavras cruzadas, nos banhos de mangueira pelo quintal... eu fiquei cega...

E numa manhã, Hood sentado no chão da varanda “quetando um solzinho” como falamos por aqui, eu cheguei e lhe arranquei o que já era meu... eu o matei... matara seus sonhos... eu saía da sua vida, para viver uma “dose” de vida com o cagão, que sabia muito bem, que eu tinha o que perder nesta história, ele me pediu. O cagão, disse que queria ficar comigo e que eu poderia me jogar que ele amparava. Eu me jogueiiiiiiiiiiiiiiiiiii!


Talvez tenha amado o cagão como nunca fora em sua vida, eu o aceitei e o amei de graça, com filho, de chinelo e a pé... Mas ele era da “realeza”... possuía muitos bens, mas isso descobri bem depois. Podem me acusar de traidora, infiel, mas uma coisa que eu não fui – interesseira. No dia, que coloquei um ponto final na minha história com o Hood, cagão percebera que eu estava para baixo... ele não era de ligar, muito menos passar msgs, mas ele fazia uma coisas que “tranqüilizava” o meu coração, neste dia, na parte da tarde ele me levou literalmente ao “Topo do Mundo” a 200 km por hora, para ver o pôr-do-sol, me senti tão maravilhosa e por aí o tempo se passava, da casa dele eu avistava pela luneta a casa do Hood. Viajamos, rimos, saímos muito, nada era problema... a não ser a culpa que eu carregava por ter dilacerado o coração do Hood...

Lembro-me, que havíamos voltado de uma viagem a um verdadeiro paraíso e simplesmente, depois de conhecer até a bisavó dele e ser apresentada como namorada ara todos, conhecer toda a família dele... ele sumiu... não atendeu meus telefonemas... nem os retornou. Liguei para a mãe dele para saber se havia acontecido algo, ela disse que não... Então, numa noite apareci em seu castelo, lugar já familiar para mim e lhe perguntei se pessoalmente ele me atenderia: - Não tenho pressa, eu disse já me assentando e cruzando as minhas pernas, retirando da minha bolsa um livro, posso esperar, estou acostumada a esperar na fila do posto de saúde, da bolsa da faculdade e etc.!

Ele ficou sem lugar, de tão sem-graça, ninguém havia enfrentado-o dessa forma, ele é muito bom para sumir, mas para argumentar é um tanga frouxa. Para completar meu desatino, visualizei o celular dele dentro do microondas, só para ficar sem sinal, naquele momento acontecia a minha metamorfose, eu queria me desesperar, chorar, implorar... mas, eu apenas liguei o microondas: -Destrói essa bosta, já que você não quer falar não é só comigo... (ele me disse isso – ele desligou o microondas antes de explodir o celular chique dele). Falei tudo o que tava engasgado e se você quiser saber o que rolou neste dia CLIQUE AQUI e depois volte...



Peguei minha bolsa e saí daquela casa, quando passei pelo portão eu vi que estava sem chão, o coração que me abrigava eu tinha destruído e para quem depositei meu amor e minha confiança, sem dizer uma palavra me matara... ele me matou... roubou a minha vida... e quando fiquei sabendo que eu não era a sua “primeira vítima”, que já havia feito isso com outras moças, eu me senti, além de morta, cortada em pedaços, queimada até virar cinzas, ele levou consigo a minha vida, porque atrás do meu relacionamento com o Hood, tinha a família e tudo que construímos e vivemos juntos...

Com o direito de se dizer bloqueado, ele sumiu, nem me procurou para a típica conversa chata (aquela que terminamos com o outro...). Bem, sejam quais foram, o cagão tinha os motivos dele e agora eu tenho os meus... de todas as decepções que eu vivi, esta foi a mais cruel, mas eu tive dignidade para caminhar até o ponto do meu ônibus, sem olhar pra trás... meu choro era tão incontido que peguei um táxi. Eu errei, mas nunca fui o tipo de pessoa de ficar só no se... tinha que ser mulher para assumir a consequência da minha escolha:

- Ah, espelho meu... existe alguém mais triste do que eu?

Não tinha nenhuma fada madrinha para me ajudar... Assim nasceu a Madrasta! Estava sentindo muita raiva, muita vergonha, muita culpa, esforçava-me para entender o que fiz, o que devia ter feito... sei que, se eu pudesse perdoar a mim e a todas as pessoas envolvidas, conseguiria superar toda esta raiva, talvez? Mas, neste momento estava furiosa, triste, perdida... só queria que parasse de doer e de sentir esse vazio...

- Ah, espelho meu... qual o sentido disso tudo? Por que fiz essa burrada... responde porra!


Minhas cinzas chegaram em casa eu me deitei e só desejei amanhecer em paz e que o sol pudesse brilhar... era só um pesadelo... Não era! Não era e pra meu desepero, estava sem o Hood, era sempre para o colo dele que eu corria quando me sentia mal. Se o procurei? você deve se perguntar, claro... mas era tarde demais. O meu sofrimento duplicou porque eu vi o tesouro que havia perdido, eu tentei namorar outros carinhas, até legais, namoráveis, mas depois do luto eu vi que o meu coração era do Hood e se o dele estava comigo, eu queria devolver. Eu não me perdoava, eu me culpava e não me achava digna de amar e ser amada. Precisava compreender o estrago que fiz... eu ia me casarrrrrrrrrr...
“...E o que passou, passou e o que marcou, ficou. Se diferente eu você fosse será que eu teria sido amada? Por você, por você?...E não, não há nenhum relógio pra fazer voltar... o tempo voa...!” (Nando Reis)

Um ano se passou, tudo que uma pessoa pode ter, viver, sentir e superar aconteceu comigo. Quando pensei que o meu caso com o Hood estava acabado, pelo tempo que estávamos separados, o desejo de um chamou o outro. Sem tocar no doloroso passado, sem culpa, sem mágoa começamos a nos ver, sem compromisso, sem pressa... o tempo é igual a colo de mãe, cura quase tudo... pelo menos pra mim foi assim. A magia de estar de novo no coração que eu roubei e dilacerei e que agora me aceitava e me amava, me sentia um filho pródigo... aliviada... perdoada... curada...



Escrevendo no pretérito... mas com a cabeça erguida e de olho no futuro, cagão de merda, você vai me procurar, vai descobrir o que perdeu... eu vou te amaciar e vou aceitar seu convite para sair, mas só posso dia 31/10/2009 ás 20:00 horas, você vai concordar...
Meu celular tocará, número desconhecido, mas pelo clima que me envolve eu atenderei:

Cagão: Minha querida, estou pronto, posso te buscar na sua casa? Pensou onde iremos?
Madrasta Má (Péssima e ácida): Olá meu querido, belezinha?
Cagão: Então, to pronto...
Madrasta Má: Hummmmmmm, só tem uma coisa... é que eu me esqueci de te falar...
Cagão: O que? Aconteceu alguma coisa?
Madrasta Má: Não, mas vai acontecer!
Cagão: O que? Me fala... queria tanto te ver, estou com tanta saudade...
Madrasta Má: Esqueci de te falar, que hoje (31/10/2009), vou ficar noiva, vou assumir um compromisso com alguém que realmente me ama, por favor me esqueça... não me procure mais, nunca mais... ADEUS PONTO FINAL... Tum tum tum tum (desliguei).

E NÃO DESONRE O MEU NOME!

Essa maçã foi com gosto, assim como ele fez comigo, pouco me importou seus sentimentos, despejei minha “caçambinha” (pra que leu o CLIQUE AQUI, saberá o porquê da caçambinha) e fui festejar com 112 pessoas. Uhuuuuuuuuuuu! Acredito no aqui se faz e aqui se paga, mas meu coração me diz para ter a consciência e a piruka limpa KKKKKKKKK... mas não perdi a oportunidade! Mexe, mexe... com quem está quieto! Como falei antes e tenho sempre falado, se ele tinha os motivos dele, eu tinha os meus... Aliás o meu:

Hood: Amor vem qaqui na cozinha por favor!
Madrasta Má: Oi.. humm cheirinho de café...
Visualizo que ele havia colocado 500 grs. de pó de café no coador (aqui em Minas usamos coador de pano!)
Madrasta Má: Tá louco? kkkkkkkkkkkkkkkkkk que néctar (texto original é que maconha você cheirou) é esse que vc cheirou?
Hood: É por que quero saber se você quer.... um "trem" roliço pra enfiar o dedo...
Madrasta Má: O queeeeeeeeeee????????????????? não sou desse tipo que enfia dedo em "trem" roliço não rapá... sou de família kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Hood (vermelhaço): Ai você sabe... mão direita
Madrasta Má: vou te dar a chance de ser romântico kkkkkkkkkkkkkkkkkk
Hood: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk Ah!!! amor você quer casar comigo?
Madrasta Má: deixa pensar, sim, quero! kkkkkkkkkkkkkkkkk (não se pode pensar muito nessas situações)
Hood: Eu te amo minha porpetinha!!!! kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Madrasta Má: porpetinha é sua mãe kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

Ele me abraçou, me levantando do chão....

Hood: tá bom minha mãe e você kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk
Madrasta Má: kkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkkk

E viveram... e também riram até....

The End

Venenosamente,
A Madrasta Má

86 Morderam a maçã:

balasalgada.net disse...

Infelizmente não valeu a pena. Quando a gente para de procurar o Príncipe, ele aparece.

É uma insegurança te acusar do que você não fez. Tome cuidado para não amar assim de novo. Veja sempre onde está pisando. O Cagão veio pro seu bem :D

Tudo Novo disse...

O principe não existe...
Eu descobri da forma mas tragica...

Perfeição só em crepusculo...

Na verdade eu não vou procurar mais não...
Espero que o meu apareça... De uma forma inesperada...


Mas hoje sofro de um amor...

Zzzzzzzzz

Lú Silva disse...

É amiga... cada escolha nos leva a um caminho!
O importante, o mais importante... é crescer com tudo isso. E vc cresceu!!!
Viva seu amor, verdadeiro amor!!!
Estou sempre contigo!!!

bjos

Desabafando disse...

uauuuuuu...fiquei presa a sua história. Muito legal entender um pouco mais da sua história de vida, os outros posts ficaram mais claros agora. Adoreiiii...e acho que todos nós temos um ou outro arrependimento (ou erros) na vida mas são eles que nos fazem ser o que somos, são eles que nos fazem valorizar o amor e a alegria. Culpa? Tente não carregá-las afinal sempre podemos encontrar formas de consertar os estragos que causamos não? Está certo que nem sempre no amor conseguimos isso,nem sempre conseguimos reparar o coração partido mas fico feliz demais de saber do final dessa sua história. Compartilho sua alegria!

Parabéns pelo noivado e por superar as dificuldades. E ajeita a piruka pro casório hein...rsrsrs....

εїз ViViAn ★ Sbrussi /(",)\ disse...

olá amiga!

passando para ver as novidades e te desejar uma ótima semaninha!

=D

Cinderela disse...

principes exitem sim! Oh eu defendendo a historia =D
aconteceu comigo...eu parei de procurar e um dia ele veio ate mim..
estava tao desgostosa da vida que quase o perdi...
enfim...
acredito que viver sem procurar é o melhor remedio pra tudo. Mas valorizar aquilo que ja temos tambem é uma estrategia pois tem muito ogro fantasiado de principe por ai...

Madrasta adoro vc...demorei pra ler seu pequeno post hj mas foi supostamente muito bem escrito bem colocada e que me rendeu risadas e muito a refletir parabens

Vanessa Ludwig disse...

Pois bem... amei o texto.. e sinceramente acho uma merda esse aperto no peito, de quando estamos apaixonadas, fazemos um lazarento dum sacrifício e tomamos na cabeça...
Eles não pensam, eu ainda não sei se encontrei meu Hood, mas achei a história bem "superlegal" e fiquei feliz, deu até um "gás"!
Vi que você deu uma passadinha no meu blog, mas eu tenho dois, o que você comentou trata apenas de assuntos bestas da facul, o meu bloguinho mesmo é: filosofiasdevanessaoliveira.blogspot.com, dá uma passadinha lá =D
Gosto muito das suas postagens, muito legais mesmo, tenho uma outra colega mineira com um blog muito legal (acho que as mineiras tem um dom natural para blogueiras), sou catarinense, da serra, aqui os blogs andam meio em baixa.. tá bom, tá bom.. to falando demais.. bjs

Dri Viaro disse...

olha amiga, tdo mundo aí em cima dizendo que principe nao existe e tals, mas existe sim, eu ja achei o meu, é que as vezes aparecem os ogros primeiro rsrssrs
bjssss

Andréia A disse...

Gatona amei sua historiaaaaaaaaaa!!
show de Bola....
Parabens pelo noivado linda voce merece ..
Tambem vao me amarrar em abril de 2010 kkkkkk.
amei ler sua historia!!
beijao querida

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

Madrasta,

Você é fantástica... Com certeza o coração sabe a resposta certa para as nossas perguntas, até mesmo nos momentos confusos e embaçados. O verdadeiro amor sempre prevalece e esse seu texto bem humorado e apaixonado mostra que "o que é do homem o CAGÃO não come"...ahahahaha.

Parabéns, menina linda do meu coração.

Adoro e adoro esse seu astral.

Beijo imenso.

Rebeca


-

Luciana Klopper disse...

Simplesmente perfeito, amei e amei e amei!

Claudia Bins (Cacau) disse...

Pois é, de princesa e de bruxa todas temos um pouco...

Passa lá no Mosaicos, você verá que todos temos nossa parcela de sofrimento e de superação ;-)

Beijo grande e boa sorte!

Cacau

Pati Araújo disse...

Má!!!!!!!!!

Que história doida!
Ótimo ler quando quem escreve é super intensa como vc.
Superar é tudo de bom!

Beijos e felicidades :]

Yuuko disse...

adorei sua historia de vida amore
k3
bom dia
^^

Tatiana disse...

Olá Querida Madrasta!
A vida é uma caixinha de surpresas.
As vezes trocamos o certo pelo duvidoso, mas só assim aprendemos algumas lições.
Sua participação ficou 10!

Deixo o meu beijo carinhoso

Eu amo um cara chamado Flavio disse...

Último post: Briga pelo msn....será que eu peguei pesado?

Raffs disse...

nossa, que post longo.
volto mais tarde pra ler com calma!!

bjus madrasta...
Raffs voltando a blogar xD

Francisco disse...

Madrasta querida!

Cagões e cagonas sempre aparecem na vida das pessoas para fazerem suas cagadas! rsrs
Se o cagão fizer mais uma dessas, me chama que eu limpo. Aquele novo balde que a senhora me deu, junto com as escovas, estão aí para servi-la...sempre!

Beij au z aõ! ! (é o sinal aqui no calabouço que tá ruim! rsrs)

Elaine Barnes disse...

Nossa que história! Respirei.As vezes entregamso nosso amor a pessoa que não merece receb~e-lo, ainda bem que acordamos em tempo. Bel história. Gostria que desse uma visita no blog de uma gde amiga que está começando agora se puder tá bom?! "A força e a beleza de ser mulher" http://geisamachado.blogspot.com/Bjs e boa semana

ps: Meu netinho está um fofo e estou curtindo muito ser avó. Amor a primeira vista e incondicional. Esse é pra sempre no meu coração.

Cadinho RoCo disse...

Com amor resolve-se tudo. Mas, preste atenção: COM AMOR.
Cadinho RoCo

Naaaany ☼ disse...

ah,pelo menos tivemos um final feliz \o/\o/

Gisa disse...

Parabéns!!!! Tiveste muuuita sorte; infelizmente nem sempre conseguimos consertar as "cacacas" que aprontamos na nossa vida. Curte bem o teu Hood; acho que tudo isso aconteceu para que tivesses a plena certeza de que ELE é o teu príncipe. Felicidades mil para vocês dois! Beijos

Quintal das Rosas Decorações disse...

Linda história, kkkk só o final é claro...kkk adorei viu vc relatou brilhantemente. felicidades

bjs
monica

Luh disse...

Que história lindaaaaaaa!!!
parabéns!!

beijos

Mahria disse...

Iruuuuuuuuuh
Aff
Nam
Vai ganhar o layout do Néctar

Que históriaaa!

Amei minha madrastrinha querida, peguei o bonde "sua história" aqui, pela metada no blog, so agora entendi tudim tudim...

Salve a Madrasta Má
Salve o Hood
Salve o Amor
Salve o Perdão...

Bjinhos
Mah

Eu amo um cara chamado Flavio disse...

Que negócio é esse de colocar o cel no microondas pra ele perder o sinal, esse Cagão é burro ou o que?

Lendo os cliques desse post, acho que n peguei pesado mesmo não, tudo o que eu disse no sim e no não é verdade, mesmo aquela parte vulgar do sim....e todas aquelas outras do não....mas ele disse que se eu aparecer na casa dele, cospe na minha cara e se fez de vítima....jura que vc o conhece? Não vai me dizer que vc é a Monalisa, rsrrsr, mas é sério? Foi pela foto? Ou entendi errado?

Mari Amorim disse...

Madrasta

adorei sua participação,acho que quando contamos o amor,tudo fica mais leve e mais colorido!
Boas energias
Mari

Eu amo um cara chamado Flavio disse...

Rapidissima....os olhos são dele sim, minha vontade era por a foto do rosto dele, pra todo mundo ver a cara de idiota...

Xan disse...

Milll beijos p vcs e muita felicidade hoje e sempre.

Garota Karioka disse...

Lindo, lindo!
Que bom que sua história teve um desfecho feliz, assim como espero que a minha tenha.
Também arrumei um CAGÃO na minha vida!
Felicidades!!!
Beijos, beijos!

T@CITO/XANADU disse...

Tanta porrada levamos para ficarmos curados que, às vezes, chegamos a pensar em continuarmos doentes...

Parabéns
Tácito

Fernanda, disse...

Madrasta, e olha que quando comecei a frequentar o seu blog.. vc namorava o cagão e depois fiquei uns tempos sem vir aqui.. e vi que vcs não estavam mais juntos. Mas, eu não era da época do Hood. :)

Parabéns pelo noivado! Espero que dê tudo certo e vai dar para vocês!! Do fundo do meu coração, muitas Felicidades mesmo!! Você merece, amiga.

Beijos, e ótima semana.

Ps:Me deu até vontade de te colocar no colo..

Fragmentos Betty Martins disse...

.__________querida Madrasta





toda esta história é


um__________potentado fabuloso!



...


ri com vontade mesmo:)


________e a Rebeca tem toda a razão: "o que é do homem o CAGÃO não come"...ahahahaha.e.mais.ahahahaha!!!




muitos parabéns!





:)







____________///







beijO_____ternO

Luciana P. disse...

É mais uma história como tantas outras, pena que a gente não tem bola de cristal pra evitar fazer merda, kkkkkkkkk. Acho que todo mundo já pisou na bola com alguém, se arrependeu, chorou, consertou, sei lá, um dia a gente vê as coisas às claras, e nesse dia, tudo parece tão diferente.
Adorei a sua história, e que bom que o Hood ainda te encanta, pois assim vc pôde perceber que os príncipes encantados só estão na nossa cabeça. Mulheres, ô racinha complicada essa, hahahahaha. Já fiz as minhas, madrasta, e não foi muito diferente disso, e também já saí dessa há tempo de não sucumbir.

Beijos!
Felicidades!

claudete disse...

literalmente encantada como todos que mordem esta fabulosa maçã. Parabéns minha querida por assumir a autoria desta história de amor tão rica de situações que mostram como é fácil a sedução de "largadão com par de chinelos"...O importante é sua mea-culpa , com graça e lucidez mostrar para nós leitores que no final prevalece o amor verdadeiro. Bela História de Amor.

Coisa Frágil disse...

uauuuuuuuu...

que história...e viva o Hood..que ele t faça feliz...que vc o faça feliz...nossa amiga fiquei sem folêgo...acredito q toda mulher já passou por isso...encontrar um cafa...mas ainda bem q vc conseguiu superar...adorei...adoro essa frase: qdo sou boa, sou boa mesmo..mas qdo sou má...sou melhor ainda...e vc foi melhor...hehehe...


bjusssssssss e linda 4ªfeira p ti

Layara disse...

...amei essa historia, ri, senti tristeza por sabe que existem pessoas feias assim, feias nao de beleza externa, mas feia na alma, egoista e outros predicados...

deu a volta por cima e está feliz, issoé o que importa...

Perfeito Conto, um encanto.

beijos de Luz!

Sandra disse...

Cada um de nós traz a sua história, conto de amor, pelo qual um dia foi vivido ou vivenciado.
Não é fácil retomar alguns desses momentos. Mas temos que ter a coragem e falar desse amor.
Este momento, foi nos proporcionado pelo blog da rebeca, onde cada um tinha a sua liberdade de escolha e publiocar o seu conto.
Fiquei muito feliz em estar participando com o blog uma interação de amigos.
Aqui todos falam do amor, comentam e compartilham.
venha e participe:http://sandrarandrade7.blogspot.com

com muito carinho seras bem recebida, lá.
Sandra

Sandra disse...

Esta história é de tirar o folego. Nossa!!!
Vc. é de mais.
Um abraço menina.
Sandra

Sanzinha disse...

Quer dizer que vamos ganhar padrasto? rsrsrs
Seu post ficou ótimo. Todo mundo já sofreu de coração partido nesta vida. Eu também já.
Adorei o bom humor com o qual escreveu. Não poderíamos esperar outra coisa de você.
Pessoa especial, muito querida, de quem aprendi a gostar dimais da conta! Nossinhora! rsrsrs
Parabéns pelo noivado. Parabéns mesmo!

Super beijo, lindona!

pontorouge disse...

Ufa!!! Que história!!!
É isso aí: caindo para levantar ainda mais forte.

beijo rouge

Dani

Pelos caminhos da vida. disse...

Perfeito!

beijooo.

Blog da Fatima disse...

Caraca!!! Que história einh?? E o cagão?? Que baita troxa, bem coisinha de gente miúda, bota cel dentro do microondas!! Onde se viu um homem de verdade ter uma atitude dessas!! Amigammm....reze e ore a Deus por ter te livraddo deste traste do Cagão!! Ainda bem que Hood te deu uma segunda chance!!!
Cara legal esse Hood!!

Bjos no ♥

Vem desfrutar do Amor de Deus disse...

Madrasta,
Você é muito querida mesmo viu!!!!
Saber que você errou, pagou pelo erro e conseguiu recuperar seu amor..menina...ufa!!! li tudinho sem piscar os olhos e quero desejar muito amor e felicidades pra você e Hood ( olha o padrasto ai genteeeeee)...rsrsrsrs
Bjs
Marcia
Ps: Cagão de merda....não sabe o que perdeu...bem feito...tonto...

Jaqueline disse...

Adorei a história...
Sempre tem que ter um cagão pra gente aprender a valorizar os "limpinhos"...
Uma outra chance...
Sempre acreditei nisso.
O que seriamos de nos todos sem uma outra chance???
Onde estariamos???
Para onde iriamos???
Prefiro dar e ter uma segunda chance do que esperar para ter respostas a todas essas perguntas...
Parabéns pela sua força.. Fiquei visualizando a cena depois do lance do microondas... Aquele nó na garganta e vc tendo que se manter estoica perante ele... dando adeus com o coração sangrando...
Só mesmo sendo uma madrasta muito má!!! kkkkkkkkkkkkkkkk
Que vc seja muito feliz nessa nova chance que a vida te deu...
Vi que passou no meu blog!!! Obrigada pelo carinho!!! Beijão

meus instantes e momentos disse...

passando para te desejar um belissimo dia...
é a vida, são paginas da vida.........
Maurizio

Lilazdavioleta disse...

Madrasta ,

gosto muito do seu conto .

E princípes existem , nós é que temos que saber dar o beijo no sapo certo .
Os que parecem ... não são .

Beijos,

Maria

babi disse...

eu sim-plis-men-te adoreiiiiiiiiiiiii!!!!!!!!! vc é Fantástica!!!!!!!!!!!!!!!!!!!
que bom o amor verdadeiro sabe perdoar!!! e é tao bom....bjus doces!!!Deus t abençoe!!!

EU SOU NEGUINHA disse...

Madrastita..
O amor,o verdadeiro amor,prevalece...sempre...Feliz por ti,isso vc já sabia,né? rssss
Nega voltando...cheia de saudades de vcs...
Beijo Grande

ஜ♥_Karolina_♥ஜ disse...

Olá,
estou visitanndo os blogs que participaram da blogagem coletiva.
Deixo meu abraço e parabéns pela criatividade de cada palavra.
bjus

Tudo Novo disse...

Já vi aqui umas dez vezes...
Linda sua historia...

εїз ViViAn ★ Sbrussi /(",)\ disse...

Olá!

passei por aqui!!!
=D

______
____(_)_
__(_)O(_)
____(_)
____ \/
___ \\|//

Uma boa semaninha para vc, meu amigo(a)!!!


Que sua presença,
seja sempre um sopro de ar puro
para o ambiente em que estiver.

Que sua pessoa seja digna de confiança,
mas com um toque de criatividade.
Disponível, mas sem esquecer-se de si.

Incansável pelo ideal,
mas satisfeita com a vida.
Ligada aos amigos,
mas capaz de pensar distante.

Não conte os anos que já viveu,
mas ame a vida simplesmente.
Ocupe-se intensamente no que faz,
sem pensar no que poderia ter feito.

E se um dia já não puder seguir
fisicamente o ritmo habitual,
descubra mil outras coisas para fazer,
outros mundos para explorar
e pessoas para amar, mantendo a paz e o entusiasmo no espírito.

Assim, muitos buscarão a sua amizade,
pela sua alegria contagiante,
pela sua inspiração que sugere,
e, sobretudo pelo exemplo que proporciona
de uma vida plenamente realizada.


(autor desconhecido)


COM CARINHO...Bjoooo
______
____(_)_
__(_)O(_)
____(_)
____ \/
___ \\|//ღViViAn\\(^_^)// Sbrussi

Glorinha disse...

Oh Deus... Decidir é dificil e a cada hora estamos em frene a várias opções... E qtos sapos ja beijamos não é mesmo?? Madrasta adorei o seu castelo, rsrsr e com certeza ja virei sua fã e seguidora... Passarei aqui sempre! Afinal sou muito mais a Madrasta que mãe...
bjoooo da goorda

Pat Rocha disse...

Queridona!!!!
Nectar da flor.... hum.... docinho como o mel... Eu e meu Teddy adoramos essa doçura!!! A vida tem ralmente sido mais doce desde que reencontrei meu Teddy; que a vida tinha se encarregado de afastar por quantos anos mesmo hein?... bem deixa pra lá né?... rsrsrs O que importa é que a correnteza do rio o trouxe de volta, ou me deu de volta pra ele... ah sei lá...
E tu é mineira nega? hummm pão de queijo, doce de leite e queijo branco.... rsrsrsr ô coisa boa, sô!!!
beijo
Pat

India Tiwatã disse...

Engraçado, eu entendo bem essa coisa que lhe aconteceu já que eu namorei o primo do meu amado que foi um cafajeste comigo e com toda mulher que cruzou o seu caminho nesta vida.
O meu amado ficava com minha irmã caçula.
Louco né,estávamos lá sem valorizar o que sempre tivemos juntos, os bons momentos, as alegrias e não conseguíamos nos ver como alguém por quem poderíamos nos apaixonar de verdade.
Graças a Deus minha mana não gostava dele e o primo dele aprontou o mesmo que o cagão fez com vc comigo.
O tempo passou e aqui estamos, a alguns anos, juntos, felizes e agora noivos!!rs
A vida sempre acerta, quem erra somos nós mesmo!hauhuahua
Bju querida!!!

Páginas da minha vida disse...

olha,poe " cagão" nisso hein!
eu sei que vc deve ter sofrido pra caramba com isso,mas o lado bom, é que vc viu quem te amava, e isso serviu pra selar ainda mais o amor entre vc e o Hood.às vezes é bom que passemos por essas disilusões.querendo ou não, são elas que nos fortalecem...

nossa, adoro histórias com finais felizes ^^

tem selinho pra vc lá.

bjs

MEUS PENSAMENTOS disse...

querida madrasta assim vc acaba virando mãe ,ensinando tanto sem querer,amei ler td isso um bjo pra vc!

WΔ££™ disse...

Eu estou pasmo e maravilhado ao mesmo tempo,adoro seu jeito de escrever Madrasta, mas confesso que dessa vez fiquei travado na cadeira, a cada linha desse texto, uma mistura fantástica de conto, história, dissertação, desabafo, além do fato de ser uma complexa, mas ao mesmo tempo linda história de amor. O que li aqui foi a mais pura expressão de sentimento explícito que eu já li em blogs (e olha que eu leio muitos...) Incrível o modo você literalmente "rasgou" sua verdade e com muita coragem expôs toda essa vivência, e tenho certeza que não foi fácil vivenciar tudo isso, mas esse teu "jeitinho mineiro" me surpreendeu de verdade, e só tenho que me render a esse talento e parabenizar pelo belissimo texto.

P.S., Fiquei feliz em saber que você é de Minas também, saudações Belo Horizontinas conterrânea...rs

Bjs carinhosos

Dalva disse...

Ai... ai... o amor é lindo, né Madrasta?

Lindo, lindo...

Bjs.

Beta disse...

O importante é que vc ocnseguiu seu amor de volta né?
Infelizmente fazemos sempre burradas, a vida é assim mesmo.
Mas agora vc sabe muito bem quem realmente ama né?

Bj
Beta

Fabiano (LicoSp) disse...

A vida é feita de caminhos e escolhas, algumas vezes fazemos a escolha errada, porem se estiver escrito que devemos chegar a um destino então a estrada dá voltas e nos leva até ele, q ainda bem foi feliz e cheio de amor.

felicidades!!!
bjs

Luh disse...

Saudadinha de vc...
Espero que esteja tudo bem.. sempre vendo seus posts... adoroooo... fica com deus bjim da Luh!

Desabafando disse...

Madrasta concordo contigo que se mostrando e expondo um pouquinho mais vc ficou mais próxima dos seus leitores e seguidores fieis como eu...rsrsrs...e tb ganhou ainda mais respeito e admiração da minha parte....

tem selinho pra vc no meu blog.

Gazeta dos Blogueiros disse...

Parabéns!!! Seu blog acaba de receber o Troféu de Destaque GB 2009 na Gazeta dos Blogueiros. Como prêmio o link do seu blog ficará exposto por 7 dias na página principal da GB. Venha receber o seu troféu e garantir sua inscrição no The Best GB 2009.
Gazeta dos Blogueiros (http://www.gazetadosblogueiros.com/)

Gazeta dos Blogueiros disse...

Parabéns!!! Seu blog está concorrendo ao The Best GB 2009. São 10 blogs participantes. Destes, os 3 blogs com maior quantidade de votos, serão premiados com o Troféu The Best GB 2009. A votação encontra-se na página principal da Gazeta dos Blogueiros e se encerra em 1 semana. Faça a sua campanha! Boa sorte!
Gazeta dos Blogueiros (http://www.gazetadosblogueiros.com/)

Na. disse...

Madrasta mostrando que nem só princesas tem Final Feliz! Este também é um direito da madrastinha! =)

Xerus
=***

Jaqueline disse...

Fiz uma citação sua no meu ultimo post...
Dá uma passada por la... Bjin

Jaqueline disse...

Fiz uma citação sua no meu ultimo post...
Dá uma passada por la... Bjin

Jaqueline disse...

Fiz uma citação sua no meu ultimo post...
Dá uma passada por la... Bjin

EDUARDO POISL disse...

"... E de novo acredito que nada do que é
importante se perde verdadeiramente.
Apenas nos iludimos, julgando ser donos das coisas,
dos instantes e dos outros.
Comigo caminham todos os mortos que amei,
todos os amigos que se afastaram,
todos os dias felizes que se apagaram.
Não perdi nada,
apenas a ilusão de que tudo podia ser meu para sempre."

Miguel Sousa Tavares

Abraços com todo meu carinho.
Um lindo final de semana com muito amor e carinho

Luh disse...

OOO minha queridaaaaaaaa amei a visitinha.. e vc sabe q tem toda e total liberdade pra pegar o que quiser la... me sentiria mto honrada isso sim... fica a vontade!!

è seu tb!!
Bjos te adoro! naum some tá???

bjim da luh!

~*Rebeca e Jota Cê *~ disse...

A participação de todos foi show e que texto esse seu. Tem histórias que precisam dessa volta toda pra se firmarem de uma vez por todas.

Até mais.

Jota Cê

Juliano disse...

Madrasta linda do meu coração, matou a nossa curiosidade.! \o/
Que bom que terminou tudo bem, com vc e com o Hood.
E ele teve uma atitude muito digna.

Lendo o seu texto, la pela metade dele, eu lembrei dessa música do Papas, que tem muito a ver com um certo trecho do seu texto, se puder de um olhadinha madrasta:

http://letras.terra.com.br/papas-na-lingua/115134/

Uma perguntinha Madrasta, você escolheu dar o troco no cagão, no dia 31/10
Dia das Bruxas - Halloween
Foi por querer, ou mera coincidencia??

Beijooooos Madrasta.!♥

§♥Bruxa♥§ disse...

Mamyyyy postiça!! O amor não possui brejo ou reino... ele é simplesmente assim, doido doido kkk

Beeeijos queridona, te adoro
Aramantha

Geisa Machado disse...

Oi Madrasta!
Muito obrigada por vc ter ido prestigiar o meu blog.
Como vc disse (por lá) a gente perde muito tempo "esperando" pelo príncipe. A fantasia e a realidade precisam andar juntas. Só depois que amadurecemos emocionalmente é que o sonho se realiza. E o amdurecimento inclui dores, vergonhas e humilhações (e na humilhação a vontade é se vingar). Foi o que aconteceu com vc. Depois que passou por tudo isso (as fases da Branca de Neve) é que conseguiu este relacionamento (agora sim) gostoso e sadio. Parabéns pelo noivado!
Bjussss

Luciana Klopper disse...

Tem selinho pra vc no blog

Olavo disse...

Li e entendi algumas coisas que não sabia..
Que continue td bem para vc..
Beijão

Hanna disse...

Ola mara drasta!!!rsrs
Eu descobri que príncipe encantado existe quando deixei de procurar por ele...Estou casada há quatro anos...
Há quatro anos atrás escutei de uma "amiga" que ela ía beijar o sapo pra ver se virava príncipe...Ela falou isso com muito desdém, e eu entendi que havia sido uma (in)direta pro meu relacionamento,porque meu marido nunca foi um galã de cinema (não sou cega), mas ele é oque eu sempre procurei...
Assim como você, já apareceu um príncipe cagão na minha vida e quase perdi o meu amado...A minha sorte é que Príncipe verdadeiro, lutou por mim e não permitiu que este cagão me cegasse...
Hoje posso dizer comtoda certeza:Príncipe só existe pra quem acredita no amor...E não na beleza.

voce não sabe o que perdeu disse...

Seja...Feliz Madrastra..

Pois as vezes a vida é generosa e nos da uma segunda chance...

Pena que é so para pessoas especiais...

Até

Hod disse...

Olá Madastra,

Parabéns por ser voce uma das dez escolhidas com seu belo conto. Participar dessa iniciativa promovida pela Rebeca já foi um prêmio.

Forte Abraço, Alôha...

Hod.

Fragmentos Betty Martins disse...

.________querida Madrasta







muitos parabéns! pois foi uma das vencedoras com a sua "bela história" na "Blogagem coletiva"



:)







____________///







beijO_______ternO
b.semana

Juliana Lira disse...

Minha Madrásta arrasa

Odeio de paixão o cagão idiota (bestalhado),show de bola esse conto!
Amos essa musica da Ana Cañas, pra mim o ponto alto de tudo foi o Cagão voltar e vc dá um BELO pé na bunda dele!Que lindo...
Toda garota que se prese merecia ter uma chance dessas!
kkkkkkkkkkkk, e ela riu até... chorar kkkkkkkkkkkkkkk

Milhões de beijos!

kellnanet disse...

Oi madrastinha ameiiiiiiiii ler sua historia queri, sabe ate hoje eu me pergunto porque e que mulher so gosta de homem safado....vixiiiiiiii e já fiz tanta merda por ai também mas hoje em dia me aquietei não quero nem saber mais desses semvergonhas sabe mulher pode ate gostar mas uma hora cansa..bem que se fez pro cagão mando "chupa manga" huahuahuaha...amei mesmo....bjks e otima semana.

Mulherzinha Sim! disse...

Cada escolha é uma renúncia. Mas que ótimo que você pode voltar para o Hood e ter sua felicidade de volta! Parabéns pelo noivado! Que vocês se amem muuuuuuuuito!


Bjo

Se o "se" não tivesse ficado só no "se" disse...

Obrigada pelo elogio...já votei, rá.

Mariah disse...

é nestas situações que a gente pára, olha a vida e se pergunta..."se merecia a sorte que teve"..."se teria a dignidade de dar a segunda chance, como recebeu"...o resto da vida você vai olhar para o rosto dele e, mesmo em silêncio, estará dizendo obrigada!
o pior é saber que o "cagão" provavelmente não aprendeu nada com a história e que outras ainda chorarão. o pior é saber que sempre tem alguém que avisa a gente...mas que, sabe-se lá porque, a gente não escuta...

Blog Widget by LinkWithin
 
A Madrasta Má © 2009. Template by Sweet Martini